SOBRENÓS

O QUE SURGE DA FÁBRICA?

É curioso olharmos para o percurso de um edifício tão importante e pensar em todas as adaptações que este sofreu. Durante anos funcionou como uma fábrica de moagem; hoje em dia os operários são outros e os grãos, também.

João Margarido, 2018

20

15

2

326

Residentes

Ateliers ocupados

9

Período médio de estadia (meses)

Ateliers disponíveis

Ex-residentes

330+

Eventos realizados

praça_da_fruta.jpg

A pouco mais de uma hora de Lisboa, descobre-se uma cidade que se orgulha de ser refúgio terapêutico e artístico. Eleita cidade criativa pela UNESCO

Os SILOS Contentor Criativo está localizado em Caldas da Rainha, concelho reconhecido pelas águas termais e pela atividade da cerâmica e do design. 

 

A importância das atividades termais nas Caldas encontra o seu local de referência no Complexo Termal, que inclui o antigo Hospital Termal e o Museu do Hospital e das Caldas. Nestes espaços, mostra-se a história daquele que é o mais antigo hospital termal do mundo e o famoso Livro do Compromisso da Rainha D. Leonor.

A ligação das Caldas da Rainha com a arte, e o seu rico legado para esta, descobre-se noutros espaços à volta do Parque, a pequenas caminhadas de distância, o Centro de Artes e o Museu do Ciclismo que albergam um expressivo e diversificado espólio, para além de disponibilizar espaços para exposições temporárias.

A seguir às termas, é à Cerâmica que deve a cidade a sua fama. No Museu da Cerâmica, instalado num palácio romântico do século XIX, descobre-se uma coleção de loiça das Caldas e de outros centros cerâmicos portugueses e estrangeiros – numa viagem pela história desta arte que vai do século XVIII à contemporaneidade.

Uma das razões de interesse deste museu prende-se com outro nome ilustre da cidade: aqui encontramos um conjunto de obras de Rafael Bordalo Pinheiro. Falar das Caldas é falar de Bordalo, que aqui deixou uma influência duradoura. A Fábrica de Faianças das Caldas da Rainha foi por ele criada, em 1884, com a ajuda de Ramalho Ortigão, e tornou-se uma referência a nível mundial e os seus objetos um ícone da cultura portuguesa, presente em milhares de casas. 

Prova do legado de Bordalo é a homenagem que se lhe presta pelas ruas. Espalhadas pela cidade, obras escultóricas à escala humana, tiradas do vasto imaginário do artista, surpreendem os transeuntes, naquela que se trata de uma verdadeira Rota Bordaliana, uma das formas mais divertidas de se conhecer o centro das Caldas. Pode ainda visitar os ateliers dos ceramistas caldenses e ter uma experiência única, trabalhando o barro e levando consigo um pouco das Caldas da Rainha.

No coração da cidade, encontramos a Praça da República, também conhecida como Praça da Fruta. Com inícios que remontam ao século XV, este colorido mercado ao ar livre é o único que, em território nacional, se realiza diariamente. É montra da rica produção agrícola e gastronómica da região e local privilegiado para observar a Arte Nova nas Caldas. As fachadas românticas de azulejos circundam esta vibrante praça, que alberga ainda o histórico Café Central e a Capela de São Sebastião. Os interessados da Arte Nova, podem partir da praça para a Rua Dr. Miguel Bombarda, para poder apreciar mais exemplos deste movimento fazendo o Roteiro da Arte Nova.

Fonte: Turismo do Centro de Portugal

Nicola Henriques

  • Grey LinkedIn Icon

Imagineer

Mentor e Gestor do Projecto 

Empreendedor social

Networker

2020 Todos os direitos reservados ao SILOS Contentor Criativo

ASSOCIAÇÃO DESTINO CALDAS

  • Preto Ícone LinkedIn
  • Preto Ícone Facebook
  • Preto Ícone Instagram